O que pode fazer pelos Rios


3 – Divulgue, partilhe, mostre

Quantas mais pessoas conseguir reunir na defesa do seu rio, melhor. Divulgar, partilhar e mostrar informação sobre o seu ou outros rios torna-se essencial e as ferramentas digitais são, por isso, muito importantes.

> Redes sociais

Nos dias que correm vivemos uma era digital onde a informação flui à semelhança da água do seu rio. Tudo é muito dinâmico e a transmissão de informação é feita de forma quase instantânea. Uma das formas mais recorrentes de comunicação e forma de divulgação de ideias e transmissão de informação são as redes sociais. Abaixo estão alguns exemplos de redes sociais muito conhecidas e frequentadas por milhões de pessoas em todo o mundo:

Facebook

O Facebook é uma rede social lançada em 2004, gratuita e popular no mundo inteiro. É gratuito mas exige registo aos utilizadores. Pode criar um perfil pessoal ou uma página, estas são normalmente dedicadas a causas/marcas/movimentos. Permite trocar mensagens privadas e públicas, publicar fotos e vídeos, criar eventos, entre muitas outras possibilidades.

Alguns exemplos:

Twitter

O Twitter é uma rede social que oferece ao seu utilizador um espaço de 140 caracteres para que este possa postar uma mensagem, seja texto, vídeo ou foto. A possibilidade de comentar e partilhar as mensagens de outros utilizadores dá-lhe grande dinamismo.

Alguns exemplos:

Instagram

O Instagram é uma das aplicações para telefones inteligentes usadas em todo o mundo. É uma rede social gratuita que permite partilhar fotos e vídeos. É possível aplicar filtros e manipular as caraterísticas da imagem nas fotos e vídeos.

Alguns exemplos:

> Posto de informações

De forma a poder divulgar a problemática do seu rio, e informar as pessoas sobre o que podem fazer de forma a contribuir para a boa saúde do mesmo, pode montar um posto de informações num local estratégico que seja frequentado por muitas pessoas, de preferência interessadas no assunto.

O posto deve conter informação que as pessoas possam retirar e ler depois com mais atenção. Os representantes do posto de informações devem ter boa comunicação oral e conseguir esclarecer as pessoas interessadas.

Este posto deverá ser um espaço onde os visitantes tenham acesso a um conjunto variado de informações sobre os rios. Serve para despertar o interesse público para a sua visitação e sensibilizar as pessoas para a protecção do seu património natural.